Crítica | Filme | Corpo Fechado


"Corpo Fechado" ("Unbreakable") é um suspense escrito, dirigido e produzido pelo renomado cineasta indiano M. Night Shyamalan (diretor e roteirista de "O Último Mestre do Ar", "O Sexto Sentido", "Depois da Terra", "Fragmentado", entre outros sucessos).


O filme conta a história de David Dunn (Bruce Willis) e Elijah Price (Samuel L. Jackson). Lançado em 2000, se passa no mesmo universo de "Fragmentado", de 2016, e de "Vidro", futuro filme do mesmo cineasta, que chega aos cinemas em janeiro de 2019. 


David Dunn é um segurança que sofre um acidente de trem. A composição descarrilha e ele é o único sobrevivente. O acontecimento faz com que Elijah Price, que sofre de osteogênese imperfeita (uma doença genética que faz com que os ossos e dentes de que a possui seja muito frágeis, quebrando com frequência) o procure. Elijah acredita que David seja o oposto de si, ou seja, alguém que não fica doente e não pode se machucar.


O filme se desenvolve a partir daí, trabalhando as relações pessoais de David, com sua esposa, a qual estava prestes a se divorciar antes do acidente, e o filho do casal, que vê o pai como um herói, fato extremamente relevante para o filme, já que esta é uma história sobre heróis.


Elijah é viciado em quadrinhos. Colecionador e grande "expert" no assunto, acredita que super heróis podem ser reais. É o fato de David ter sofrido um acidente de trem, outros acidentes graves e nunca ter ficado doente, que faz com que este procure contato com o segurança.


É um suspense que através da relação de David e Elijah com o segurança descobrindo se tem superpoderes ou não, prende o espectador e isso, somado ao fato de que este filme se passa no mesmo universo de "Fragmentado" e de "Vidro", que em breve chegará aos cinemas, faz com que "Corpo Fechado" seja um excelente thriller, indicado para aqueles que gostam de filmes de ação, mistério, suspense e/ou super heróis, com personagens realistas e bem trabalhados.


Postar um comentário

0 Comentários